Assinatura RSS

Petição contra o PL 89/03 de cibercrimes ultrapassa 100 mil assinaturas

Hoje cedo tivemos a grata surpresa de constatar que a petição pelo veto ao projeto de cibercrimes ultrapassou a marca das 100 mil assinaturas, e isto um pouco antes de completar um mês, já que a petição foi criada no dia 06 de julho, um domingo.

É um número respeitável, a petição pelo veto ao projeto de cibercrimes ficou em primeiro lugar no petition online por mais de 15 dias consecutivos, e foram até o momento mais de 3300 assinaturas por dia em média ou um pouco mais de 138 assinaturas por hora ao longo destes 30 dias.

Muita coisa aconteceu nestes últimos 30 dias, o Cardoso descobriu um “mensalinho” do banner do senado fato publicado pela Folha posteriormente sem nenhuma alusão a post do Cardoso; o ciberativismo contra o pl 89/03 de cibercrimes virou noticia no Zero Hora, no IDG Now (mais)(mais), no Estadão (mais), na FolhaO Globo (mais), na INFO (mais), na PC World, no Observatório da Imprensa (mais)(mais), no G1, no A Tarde (Bahia) dentre outros jornais. Até mesmo a Organização Brasil Contra a Pedofilia manifestou-se contra o projeto de cibercrimes. O ciberativismo virou no noticia no exterior, primeiro foi no blog Boing Boing, depois no Global Voices (mais), no Reporters Without Borders, no Rebelion e continua pipocando mundo afora.

No dia 19 de julho tivemos o dia da Blogagem Politica, onde mais de 80 blogs fizeram a sua parte postando sobre o tema politica e censura, a grande maioria postou contra o PL de cibercrimes. Já se contabiliza mais de 300 posts com a palavra cibercrimes no Technorati. No Google a mesma palavra chave resulta em mais de 70 mil páginas, onde a maioria dos 100 primeiros resultados são posts e artigos contra o projeto de cibercrimes. Milhares de Twitts e quase 900 tópicos nas diversas comunidades do Orkut, a maioria contra o projeto de cibercrimes.

Se depois disto tudo, a Camara não acatar nossos apelos, estará comprovada a tese de que os eleitores no Brasil são meros instrumentos e que suas opiniões não possuem a menor relevância contra o interesse de uma minoria fortemente interessada no projeto.

PELO VETO AO PROJETO DE CIBERCRIMES! A LUTA CONTINUA!!

UPDATE – Outros blogs estão falando da comemoração das 100 mil assinaturas:

  1. Blog do Sérgio Amadeu
  2. Carnet de Notes de André Lemos
  3. Blog do João Sérgio
  4. Do tira gosto ao prato principal
  5. Dirceu Santa Rosa
  6. Orange Cab de Rodrigo Prior
  7. Social Media de Raquel Recuero
Anúncios

Sobre João Carlos Caribé

Consultor Trandisciplinar, formado em Publicidade e pós graduado em Mídias Digitais. Foi um dos pioneiros do ciberativismo pela liberdade na Internet, conquistando o prêmio Frida em 2011 pelo trabalho desempenhado na defesa da liberdade na Internet no Brasil. Também sou conselheiro no primeiro Conselho de Coordenação da NETmundial Initiative e membro do comitê executivo da NCUC na ICANN, ambos representando a sociedade civil da América Latina e Caribe. Também sou membro da Internet Society Brasil, Red Latam, BestBits, Comunidade Diplo, Dynamic Coalition on Network Neutrality and Global Net Neutrality Coalition.

»

  1. Caribé, meus parabéns pelo post e pelo seu empenho nessa campanha. Espero que com esses números os deputados ao menos questionem o projeto de lei antes de sancioná-la.

    bjs

    Flavia

    Responder
  2. Pingback: Petição contra crimes na Internet chega a 100 mil assinaturas. E agora ? « Dirceu Santa Rosa - blog pessoal

  3. Ola,

    O site Brasil Contra a Pedofilia apenas refletiu a opinião geral sobre o artigo. Entendemos que o projeto pode complicar muito a vida do cidadão de Bem que usa a internet para se divertir.

    Agora, barrar crimes como a pedofilia da internet brasileira depende bem mais da vontade dos provedores em criar filtros para impedir o acesso através de suas redes, como já é feito em grande parte da Europa, do que de uma legislação abusiva.

    Responder
  4. Recebi o seguinte e-mail
    “Segundo solicitação, informamos que as proposições abaixo sofreram movimentação.

    * PL 84/1999 – Dispõe sobre os crimes cometidos na área de informática, suas penalidades e dá outras providências.
    – 06/08/2008 Às Comissões de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática; Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado, e Constituição e Justiça e de Cidadania (Mérito e Art. 54, RICD) Proposição Sujeita à Apreciação do Plenário Regime de Tramitação: Urgência art. 155 RICD
    – 06/08/2008 Encaminhamento de Despacho de Distribuição à CCP para publicação.

    Atenciosamente,
    Câmara dos Deputados ”

    Os lobbies estão fazendo de tudo para evitar uma maior discussão do projeto

    Responder
  5. Não se iludam , a petição nao tem nenhum valor.

    Responder
  6. Eu ia falar isso, mas o Paulo Silva já disse antes. Infelizmente esse petição não vale nada.

    Vão fazer o que com ele? Vão mandar para quem? O que vai ser feito?

    Responder
  7. João Carlos Caribé

    Luiz e Paulo, vocês estão completamente equivocados, e vamos aos fatos.

    1) Uma versao da petição com 6000 assinaturas foi encaminhada ao Senador Mercadante no dia 08/07/08 o que resultou nas 13 emendas que ele fez ao PL de cibercrimes, tornando-o menos agressivo, porem não menos ruim.
    2) Em toda a midia a petição é citada, ela virou icone da oposição ao projeto.
    3) Uma copia digital com 119 mil assinaturas foi enviada a Camara, que junto com a petição protocolada pela Safernet gerou a audiência pública no dia 13/12, onde o “manto” da pedofilia que revestia o projeto caiu, e ficou claro que ele atende aos interesses dos bancos e da industria cultural.

    E poderia continuar falando, mas acho que estas duas ja bastam. Claro que sabemos que juridicamente a petição não tem valor, mas nunca foi nossa intenção usa-la com fins juridicos, e sim com fins morais e iconicos, o que ela tem feito muito bem.

    Responder
    • “1) Uma versao da petição com 6000 assinaturas foi encaminhada ao Senador Mercadante no dia 08/07/08 o que resultou nas 13 emendas que ele fez ao PL de cibercrimes, tornando-o menos agressivo, porem não menos ruim.”

      Que emendas? Não vi nenhuma delas (http://www.senado.gov.br/sf/atividade/Materia/DocsComissao.asp?p_cod_mate=63967)

      “2) Em toda a midia a petição é citada, ela virou icone da oposição ao projeto.”

      Ponto positivo, mas será que isso adianta algo? E olha, já faz algum tempo que eu não vejo na mídia mais notícias sobre o PLC.

      “3) Uma copia digital com 119 mil assinaturas foi enviada a Camara, que junto com a petição protocolada pela Safernet gerou a audiência pública no dia 13/12, onde o “manto” da pedofilia que revestia o projeto caiu, e ficou claro que ele atende aos interesses dos bancos e da industria cultural.”

      Não encontrei nenhuma menção a essa audiência pública no site da Câmara, nem no Senando, nem em lugar nenhum.

      “E poderia continuar falando, mas acho que estas duas ja bastam.”

      Pois eu prefiro que seja falado. Esses três pontos eu achei bem fraquinhos.

      “Claro que sabemos que juridicamente a petição não tem valor, mas nunca foi nossa intenção usa-la com fins juridicos”

      Pois tem gente que acha que a petição tem sim o seu valor jurídico.

      “e sim com fins morais e iconicos, o que ela tem feito muito bem.”

      Será? Por acaso o PLC foi arquivado?

      Responder
      • João Carlos Caribé

        Prezado Luiz,

        Eu não posso fazer o seu trabalho, se procurar vai achar textos, inclusive na midia sobre as 13 emendas, e sobre a audiência publica de 13/12, esta então até video completo existe.

  8. salve, salve.
    se eles não querem ouvir, melhor, então, usarem um tampão, pois, breve, há de rolar um Mega-Não ao AI-5 digital aqui em Brasília, onde moro, e o melhor: por mim, a gente faz é na RUA, uma tribuna popular bem em frente ao senado.
    já comecei a me mexer: o çaite taí, pra quem quiser se informar e participar, seja fisicamente, ou com idéias.
    sim, a luta continua.
    baita abraço,e parabéns pelo trabalho

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: