Assinatura RSS

O que nos motiva

Nossa visão

Este blog é um movimento pela liberdade de expressão, de ação, de pensamento, de vida, mas não de anarquia. Somos totalmente favoraveis ao direito à privacidade e contra qualquer ação oposta a estes principios.

Acreditamos na teoria do mundo de pontas, acreditamos que em breve as nações mais poderosas serão as que possuirem as maiores inteligências coletivas. Assim como hoje em dia o capital intelectual é o maior patrimônio das empresas, em breve o capital intelectual coletivo será o das nações.

Acreditamos que inclusão digital dará voz aos excluidos, um novo discurso, uma nova realidade levará a sociedade Brasileira a um entendimento sem precedentes da sua “camada oculta”.

Background

O estigma da revolução de 64 manteve-se forte até o final da decada de 80, o medo da censura e da repressão destruiu o pensar e agir coletivo, diluiu a sociedade Brasileira, tornando-a mais individualista.

Em 96, a Internet, recem chegada comercialmente ao Brasil, teve um inicio timido, mas a medida que foi tornando-se mais amigavel e permeavel, passou a ser um grande ressonador de pensamentos, um agente agregador, mesmo que frio e virtual, da nova sociedade Brasileira.

Hoje em dia, a Internet tem sido o meio impessoal no resgate da diluida sociedade Brasileira, dando voz a quem desejar e permitindo agregar novamente a sociedade com uma ferramenta que permite manifestar o bem comum, hoje o termômetro da nova sociedade.

Mas todas as conquistas podem ir por agua abaixo, por conta do interesse de uma minoria.

Vamos agir enquanto há tempo, depois não adianta reclamar…

»

  1. Me passe seu email para discutirmos sobre o projeto de lei do Azeredo.
    Atenciosamente,
    Fernando

    Responder
  2. De passagem para agradecer o seu comentário. Não sei porque cargas d’água, a sua mensagem não foi registrada pelo admin do wordpress. Estou à disposiçào para trocar idéias sobre social media. abs.
    http://msoma.wordpress.com

    Responder
  3. Se é para lutar contra a censura e qualquer forma de cerceamento da liberdade de expressão, já tem o meu apoio.

    Responder
  4. Na briga, na briga.
    Vou começar campanha…
    bj

    Responder
  5. Qual seu e-mail de contato? não achei no blog. Abraço!

    Responder
  6. Maria Luiza Muniz

    Prezados colegas,
    Estou atuando na cobertura dos casos de violação a liberdade de imprensa e expressão no Brasil para os sites da IFEX (www.ifex.org) e Abraji (www.abraji.org.br).

    Coloco-me à disposição para futuros contatos e, desde já, agradeço pela colaboração.

    Atenciosamente,
    Maria Luiza Muniz
    Repórter Freelancer

    Responder
  7. Boa noite,

    Faço parte de um grupo de iniciação cientifica que atualmente tem focado os estudos na área de liberdade de expressão diante do crescimento de condenações a blogueiros por danos morais e outras indenizações. Sou estudante de Direito da PUC-Rio e talvez vocês possam me ajudar. Vi que vocês realizam uma série de estudos contra a censura na internet e por estarem à frente de projetos deste tipo, talvez vocês possam me fornecer algumas informações. Vocês saberiam me dizer um número de processos que existem contra blogueiros atualmente no Brasil? Existe alguma ONG que atenda estes blogueiros e dê a eles apoio jurídico? Vocês têm estudos com relação a este tema?

    Att,

    Responder
  8. “Estamos vigiando os vigilantes”

    AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

    Essa foi muito boa. Estão vigiando os vigilantes. Não vigiam nem os links que estão na barra lateral. Alguns nem existem mais.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: