Assinatura RSS

Explica ai Azeredo ! – Como assim R$ 296 milhões?

As seis empreiteiras que, de acordo com a Polícia Federal, fizeram doações clandestinas de R$ 8,2 milhões para a campanha de 1998 à reeleição do então governador mineiro e atual senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG) receberam R$ 296 milhões em pagamentos por obras na sua gestão (de 1995 a 1998). Presto!! Nunca vi um investimento com tamanha rentabilidade.

O levantamento foi feito, a pedido da Folha, pela Secretaria de Transportes e Obras Públicas de Minas. Os recursos repassados às empreiteiras somam 13,3% dos gastos em obras de 1996 a 1998 no Estado (a secretaria não forneceu dados de 1995), de R$ 2,2 bilhões.

Em relatório do inquérito que apurou o valerioduto tucano –suposto esquema de financiamento irregular da campanha de Azeredo e aliados em 1998–, a PF aponta que seis construtoras fizeram doações irregulares por meio de depósitos em contas de empresas do publicitário Marcos Valério.

O dinheiro repassado pelas empreiteira, aponta a PF, foi usado para quitar empréstimos contraídos por empresas de Valério para a campanha ou “custearam diretamente despesas eleitorais”.

Fonte: Folha de São Paulo

E fica a pergunta, como pode um Senador com uma ética tão duvidosa querer propor um projeto de lei que trata dos cibercrimes. Ja foi provado que tal projeto atende principalmente aos interesses da Febraban e das administradoras de cartão de crédito. Além do mais o projeto tem uma fundamentação falha e permite uma interpretação da lei de forma multipla  que pode acabar se tornando uma ferramenta de censura e coação.

Anúncios

Sobre João Carlos Caribé

Consultor Trandisciplinar, formado em Publicidade e pós graduado em Mídias Digitais. Foi um dos pioneiros do ciberativismo pela liberdade na Internet, conquistando o prêmio Frida em 2011 pelo trabalho desempenhado na defesa da liberdade na Internet no Brasil. Também sou conselheiro no primeiro Conselho de Coordenação da NETmundial Initiative e membro do comitê executivo da NCUC na ICANN, ambos representando a sociedade civil da América Latina e Caribe. Também sou membro da Internet Society Brasil, Red Latam, BestBits, Comunidade Diplo, Dynamic Coalition on Network Neutrality and Global Net Neutrality Coalition.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: